INSCREVA AQUI CURIOSIDADESOCULTAS

Seja bem-vindo. Hoje é

REALIDADE DA MIDIA NO BRASIL 2013 Programas infantis rendem menos às emissoras da TV aberta do que no passado

Os programas para crianças, que já geraram muito lucro para a TV aberta, hoje rendem menos.
Além da concorrência com TV paga e internet, a TV aberta não pode fazer propaganda para crianças como fazia há alguns anos.

Montagem de Rômulo Pacheco/ Fotos Divulgação
Em programas infantis, havia anúncios que diziam "Compre!"; "Peça para a Mamãe!" etc. A propaganda agora não pode mais ser tão direta. Com isso, as TVs abertas estão perdendo o interesse em programas infantis --e só quem pode pagar a assinatura da televisão tem muitas opções.
GLOBO X GLOOB
A Globo diz que a redução de desenhos na TV aberta acontece em diversos países. "Fazemos uma programação voltada para a família, para todos os públicos, de todas as idades, culturas e classes sociais", diz por meio de sua central de comunicação.
A emissora lançou o Gloob, só para crianças, na TV paga, e o canal está faturando com publicidade.
Já o SBT afirma que ainda mantém desenhos na programação justamente porque a Globo passou a ignorá-los. "O SBT se tornou a emissora com mais desenhos porque nossa concorrente [Globo] deixou esse tipo de conteúdo de lado", afirma o diretor de planejamento, Murilo Fraga, por meio da assessoria da emissora.

Editoria de Arte/Folhapress
+ CANAIS
FONTE;FOLHA 

VEJA TODA AREA 51 EUA *NEW* Google Earth 2013,2014/2015Area 51

BRASIL 2013 Anatel está trabalhando contra clientes de telefonia


Ilegalidade na Anatel


Se dúvida houvesse de que a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vinha atuando na defesa de interesses das operadoras de telefonia celular, não dos clientes delas, não há mais. Não depois que os juízes da 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região decidiram na última quarta-feira, por unanimidade, que foi ilegal, possibilitando enriquecimento ilícito, a permissão dada pela Anatel, há seis anos, para que as operadoras embolsassem o dinheiro pago antecipadamente pelos clientes, por créditos não utilizados nos cartões pré-pagos.

17/08/2013

Projeto DE TRANSPORTE EM CAPSULA TESLA Prevê Viagem Por Terra de 610 km Em cerca de Meia Hora EM 2013



17/08/2013
O empreendedor americano Elon Musk revelou os planos para um sistema de transporte de passageiros que ligaria cidades com cápsulas que podem viajar por cima e por baixo da terra. Musk é um pioneiro na criação de carros elétricos mais rápidos com sua montadora, a Tesla. 

Agora, ele propõe o Hyperloop, um sistema que usa magnetos e ventiladores para impulsionar a cápsula de passageiros, que flutua no ar dentro de um longo tubo e é movida a energia solar. Projeto pode chegar a custo de US$ 6 bilhões (BBC) Custo do projeto de Musk é estimado em US$ 6 bilhões A proposta de Musk é construir o sistema para ligar em cerca de meia hora as cidades californianas de Los Angeles e San Francisco, que ficam a 610 km uma da outra. O custo foi estimado em US$ 6 bilhões. 

 Mas Musk não foi o único a pensar num projeto assim. Outra companhia americana, a ET3, quer criar um sistema parecido, permitindo que uma viagem entre Nova York e Hollywood fosse feita em quarenta e cinco minutos. Em uma cidade dependente de carros como Los Angeles, os projetos Hyperloop e o da ET3 parecem distantes da realidade, mas ninguém duvida que eles possam se tornar realidade. 

 Afinal, vale lembrar que Elon Musk é o fundador do PayPal, empresa responsável por um popular sistema de pagamento online, e da SpaceX, uma empresa de transporte espacial que em 2012 se transformou na primeira firma particular a transportar carga para a Estação Espacial Internacional. Notícias relacionadas

BRASIL Após mobilização no Facebook, grupo se reúne e reforma ponte no AP EM 2013

Rede social foi a forma mais prática de conseguir doações e voluntários.
Projeto não aceita dinheiro, apenas materiais de construção.




1,6 quilômetros de ponte foram reformados na comunidade 'Ponte do Apertadinho', no distrito de Fazendinha (Foto: John Pacheco/G1)

Um grupo de voluntários do Amapá utiliza o Facebook para mobilizar pessoas e reformar pontes de madeira em áreas alagadas de Macapá. Moradores das ressacas usam a rede social para solicitar os serviços do projeto chamado "SOS Mutirão Preservação".

Em julho, o grupo reuniu 100 voluntários para a reforma de 1,6 quilômetros de uma ponte em madeira que fica na comunidade "Ponte do Apertadinho", no distrito da Fazendinha, localizado a 9 quilômetros de Macapá.

17/08/2013

AddToAny

Página