INSCREVA AQUI CURIOSIDADESOCULTAS

Seja bem-vindo. Hoje é

A Cabala é suas tradições ocultistas

Cabala
"Cabalismo é um sistema de misticismo judaico e magia, e é o elemento fundamental na bruxaria moderna. Praticamente todos os grandes bruxos e feiticeiros do século 20 eram cabalistas." - 

07/01/2016


William Schnoebelen, O Lado Negro da Maçonaria

A Cabala é a versão judaizante da Religião de Mistérios da Babilônia, criada por sacerdotes judeus apóstatas durante o período de setenta anos de cativeiro na Babilônia. Esses sacerdotes aprenderam os princípios do satanismo babilônio, adaptaram esses princípios ao judaísmo e os levaram de volta a Israel como uma tradição oral. Os fariseus e saduceus praticavam essa variedade de satanismo durante o tempo em que Jesus viveu aqui na Terra, o que explica os ataques implacáveis que Ele lhes fez.

Aproximadamente no ano 1100, essa tradição oral foi sistematizada e escrita e tornou-se a pedra fundamental de todos os sistemas satânicos de adoração e de prática no mundo. É uma das supremas ironias da história que a Cabala tenha sido a pedra fundamental no sistema de crenças de um satanista como Adolf Hitler, pois ninguém mais tentou matar todos os judeus no mundo do que Hitler. Quando o Anticristo tentar matar todos os judeus a partir da metade do período da Tribulação (Mateus 25:15 e Daniel 9:27), ele também reverenciará a Cabala como pedra fundamental de seu sistema de crenças.

Judeus falsos, apóstatas e que odeiam a Deus (Apocalipse 2:9 e 3:9) serão responsáveis pela quase erradicação de todos os judeus no mundo. Somente a graça e o poder onipotente de Deus preservarão o profetizado remanescente de um terço de todos os judeus (Zacarias 13:8-9), para que, finalmente, todo o Israel seja salvo, como o apóstolo Paulo profetizou cerca de 2.000 anos atrás.

Cabalismo é a base de quase todas as tradições cobertas sob o título geral de "ocultismo"




A foto é de Madonna, uma grande fã da Cabala. A Cabala vem direto do inferno! O ocultismo maçônico é baseado em misticismo oculto a partir do Zohar, um livro de 23 volumes antigos, que oferece interpretações do significado mais profundo da Torá.Tradicionalmente, as suas práticas foram reservadas para um número seleto de estudiosos judeus que já tinham um conhecimento avançado da lei judaica, mas, nos últimos500 anos, tem sido seguida de forma mais ampla. A Cabala te afastará de Jesus Cristo. Jesus não era umseguidor da Cabala!



João 14:2 revela claramente que Jesus disse o que Ele quis dizer. Jesus não estava nomisticismo, "... se não fosse assim, eu vo-lo teria dito." A Palavra de Deus é simples. Ofato de os grupos ocultistas em todo o mundo apreciarem a Cabala deveria falar algopara quem pode considerá-la algo sagrado.

A Cabala promete muitas coisas para ajudar a sua vida, levando embora a tristeza, dor,sofrimento, preocupações, e muito mais. Pelo contrário, a Palavra de Deus nos promete a perseguição se viver piedosamente em Cristo (Sim, e todos quantos querem viverpiedosamente em Cristo Jesus padecerão perseguições). Isaías 53:3, uma profecia sobreJesus, declara: "Era desprezado, e o mais rejeitado entre os homens, homem de dores, e experimentado no sofrimento." João 15:20 diz: "O servo não é maior do que o seuSenhor Se me perseguiram a mim , eles também perseguirão a vós."

Cabalismo já é suspeito só por chamar a atenção para a "espiritualidade" própria ao invés de chamar a atenção para glorificar Jesus Cristo (Deus Todo-Poderoso). ComoIsaías 64:6 declara: "todas as nossas justiças são como trapo da imundícia". Misticismocabalista é a base para a Maçonaria, Rosacruz, Illuminati, Ordem dos Templários, e muitasoutras organizações ocultas. Seu livro sagrado é o Zohar. "Feitiço de óleos e misturas deincensos produzidos de acordo com a Cabala" é a propaganda no site de bruxariathemysticcorner.com.

A Bíblia é rápida e poderosa o suficiente (Hebreus 4:12), sem a necessidade de recorrer àreligiosidade extra-bíblica, às práticas de ocultismo ou satanismo. Jesus disse claramenteque Ele é o único caminho para o Pai (João 14:6). A Cabala é insípida e não apresentaaum plano bíblico de salvação através de Jesus Cristo. A Cabala é do diabo. Eu desafio qualquer um a me mostrar uma apresentação clara, no evangelho, da Cabala.Novamente, o fato de que grupos ocultistas satânicos baseiam suas religiõescondenáveis na Cabala fala tudo. A "mística" da Cabala é demonismo.

Pergunta: "O que é a Cabala?"

A Cabala foi desenvolvida entre os séculos 6 e 13 a.C. entre os judeus na Babilônia,Itália, Provença e Espanha. A palavra Cabala significa "receber " e refere-se àrevelação de Deus recebida pelos judeus e passado para as gerações através da tradição oral. A palavra foi usada pela primeira vez pelo judaísmo principal, mas mais tarde veio a se referir àqueles que acreditam que somente um seleto grupo teve o conhecimento secreto de Deus como o "verdadeiro" significado das Escrituras. ACabala utiliza práticas ocultistas e é considerada uma seita.

A Cabala se assemelha de perto com algumas das crenças dos gnósticos gregos, pelo fato de que ambos os grupos declararam que somente a um seleto grupo de poucas pessoas foi dada compreensão mais profunda ou conhecimento. Além disso, a Cabalaensina que as emanações de Deus fizeram a obra da criação, em vez de criação ter sido feita diretamente de Deus. Com cada emanação descendente, a emanação se tornouainda mais longe de Deus. A emanação final tomou a forma pessoal de anjos. Isso seriacomo se Deus criou um deus menor, e que esse criou então um deus ainda menor, e issocontinuou acontecendo até que o resultado final foram os anjos. Isso contradiz diretamente a revelação do próprio Deus na Bíblia. Na Bíblia, Deus ensina que Ele éseparado de toda a Sua criação e, ainda assim, é acessível diretamente por aqueles que vêm a Ele através de Jesus Cristo.

A Cabala se sustenta com a inspiração das Escrituras, mas não procura o sentido literaldas Escrituras. A abordagem da Cabala é místico e muito subjetivo, usando coisas como anumerologia para encontrar um significado "oculto". Através deste método, praticamente qualquer ensinamento que alguém deseje poderia ser "encontrado" nas Escrituras. Isso vai contra o cerne da comunicação. Deus providenciou a Escritura de forma que Ele pode se comunicar com a humanidade e ensinar a humanidade sobre Si mesmo. É óbvio que aEscritura é para ser levada muito a sério e não como uma a interpretação mística. Isto pode ser demonstrado pelas profecias cumpridas. Deus disse que alguma coisa iria acontecer, e aconteceu como ele disse que seria. O maior exemplo disso é o cumprimento das profecias sobre a primeira vinda de Jesus Cristo. Há centenas de versículosreferentes a Sua vinda, e elas foram cumpridas literalmente (Isaías 7:14, 9:6; Miquéias 5:2; Isaías 53). É por isso que a Bíblia deve ser interpretada literalmente, ounormalmente.

A Cabala tem até uma característica panteísta. O panteísmo é a idéia de que Deus e Suacriação são um só. Isto, obviamente, não é o que Deus tem nos dito na Bíblia. Deus crioutudo o que existe a partir do nada (o termo hebraico "bara"). A Cabala diz que a criação éuma das emanações de Deus - esta é a qualidade panteísta da Cabala.

Se você está buscando conhecer a Deus e ter um relacionamento pessoal com Ele, não procure mais que Jesus Cristo e a Bíblia. Jesus é Deus na carne, e Ele veio para morrer pelos pecados de cada pessoa. Se uma pessoa confia em Cristo - que Ele é Deus (João1:1-3) e pagou o pecado (Romanos 8:3) - então essa pessoa é perdoada e se torna filhade Deus (João 1:12).

fonte;http://saibatananet.blogspot.com.br/2012/10/o-perigo-da-cabala-e-suas-tradicoes.html#.Vo5f15Al_IU

Um comentário :

AddToAny

Página